Publicidade
Publicidade - Super banner
Automobilismo
enhanced by Google
 

Em Estoril, Lorenzo fatura primeira pole do ano

Atual campeão do mundo conseguiu o melhor tempo no fim do classificatório

Agência Warm Up |

AP
Jorge Lorenzo largará na frente em Portugal
Jorge Lorenzo provou que é praticamente imbatível no circuito do Estoril, local de sua primeira vitória na MotoGP. O autódromo lusitano foi palco da sua primeira pole position na temporada, quebrando a primazia que até então era da Honda e de Casey Stoner. O dono da Yamaha de número 1 anotou 1min37s161 já quase no fim da sessão deste sábado (30) e superou em 0s133 a marca de Marco Simoncelli, que liderou praticamente todo o treino.

O piloto da Gresini larga na segunda posição. Daniel Pedrosa melhorou seu tempo nos segundos finais e com o terceiro melhor tempo, garantiu seu lugar na primeira fila do grid do GP de Portugal.

Companheiro de Pedrosa no time de fábrica da Honda, Casey Stoner faturou a quarta posição do grid, registrando um bom tempo, 1min37s384, ficando a exatos 0s060 de Daniel. Ben Spies, que chegou a andar em segundo na classificação, perdeu sua posição para a dupla da Honda e fechou o treino em quinto. Andrea Dovizioso, também da Honda, fecha a segunda fila no Estoril.

Colin Edwards conquistou a sétima posição do grid em Portugal. O veterano norte-americano será seguido pelo colega de Tech 3, Cal Crutchlow, que fez um bom treino e vai largar em oitavo. O britânico, que estreia na MotoGP neste ano, conquistou no fim das atividades de pista a posição que era de Valentino Rossi. O heptacampeão da categoria começa a prova em nono com a Ducati. Também com a moto italiana, mas da equipe privada Aspar, Héctor Barberá completou o top 10 do circuito lusitano.

Stoner foi o primeiro a estabelecer giro rápido. Mas não demorou muito para Simoncelli tomar a ponta da classificação em Portugal. O italiano da Gresini liderou a maior parte da sessão, seguido por Pedrosa, Spies e Lorenzo. Bem mais atrás, Rossi era apenas o décimo colocado, sendo superado por Crutchlow e Abraham a 26 minutos para o fim das atividades no Estoril.

Pouco tempo depois, Rossi melhorou bem sua marca, subindo para a sétima posição. Melhor ainda fez Simoncelli, que com o tempo de 1min37s327, abriu mais de 0s6 de frente para Lorenzo. O italiano seguiu sua epopeia surpreendente no Estoril e baixou sua própria marca, andando em 1min37s294 no seu 18º giro, aumentando a vantagem em relação ao campeão do mundo para 0s716.

Como é de praxe na MotoGP, os dez minutos finais são de intensa movimentação na pista, com praticamente todos os pilotos partindo em busca de melhores tempos. Spies foi o primeiro a melhorar significativamente seu tempo. O norte-americano subiu para segundo, logo atrás de Simoncelli, que parecia soberano.

Entretanto, Lorenzo, que sempre se deu bem no Estoril, estava disposto a estragar a festa do italiano. Depois de ficar mais de 0s7 atrás de Marco, o dono da Yamaha de número 1, Jorge cravou 1min37s161, superando em 0s133 a marca do piloto da Gresini que, na luta para superar o tempo do rival, sofreu uma queda e danificou bem sua Honda. Também nos instantes finais, o duo da equipe de fábrica da Honda, Pedrosa e Stoner, desbancou Spies. O espanhol conquistou a terceira marca, seguido pelo companheiro de equipe.
 

Leia tudo sobre: moto gpstonerlorenzo

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG