Após três dias de testes com carro da categoria, piloto planeja não estender dúvida

O brasileiro Rubens Barrichello realizou três dias de testes com o carro Dallara-Chevrolet, da equipe KV, na IndyCar, e as expectativas do piloto assumir uma das máquinas da categoria aumentaram. Após sair satisfeito da bateria de testes , Rubinho prometeu uma definição em breve.

Segundo o piloto brasileiro, ainda não houve nenhuma conversa a respeito de sua permanência na Indy . Barrichello conversou com Jimmy Vasser, chefe da escuderia, apenas para definir os testes. "Tinha um acerto para realizar o teste, apenas. Não falei com o Jimmy Vasser sobre disputar a temporada", contou Rubinho ao jornal O Estado de S. Paulo .

Leia também: Assista ao vídeo do teste de Barrichello na Indy

Uma dos empecilhos para Barrichello correr na categoria é a preocupação de seus familiares com os circuitos ovais, sobretudo de sua esposa, Silvana. "Ela me acompanhou aqui, apoiou e hoje é uma pessoa feliz por ver a minha felicidade", destacou. "A Silvana até brincou com o Tony, dizendo que ele era o culpado por esse meu entusiasmo todo". Tony Kanaan foi o grande incentivador de Rubens Barrichello na jornada pela Indy.

Siga o iG Automobilismo no Twitter

Atualmente, o calendário da Fórmula Indy prevê apenas quatro corridas em circuitos ovais, dentre elas está a tradicional 500 Milhas de Indianápolis. As outras corridas serão em circuitos mistos ou de rua, o que pode favorecer a resposta positiva do brasileiro.

Rubens Barrichello aproveitou para informar que a indefinição quanto ao seu futuro deve acabar logo. "O que é certo é que a minha definição aqui na Indy não vai se estender muito. Se correrei ou não saberei em breve", concluiu o piloto.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.