Publicidade
Publicidade - Super banner
Automobilismo
enhanced by Google
 

Alex Tagliani é o pole das 500 milhas de Indianápolis

Canadense largará na frente na prova que marca os cem anos do circuito

AE |

O canadense Alex Tagliani conseguiu neste sábado (21) um feito para a mediana equipe Sam Schmidt: ele é o pole position das 500 milhas de Indianápolis de 2011, a corrida do centenário, garantindo mais de US$ 300 mil em prêmios. Ele terá ao lado na primeira fila, que é tripla, Scott Dixon (Ganassi) e Oriol Serviá (Newman/Haas) para a corrida do próximo 29 de maio (com largada às 13 horas, de Brasília).

É a primeira vez desde 2005 que três equipes diferentes estarão na frente. E surpreende por não ter nenhum carro da Penske ou da Andretti, equipes consideradas fortes. O australiano Will Power, líder da temporada 2011 da Fórmula Indy, ficou com o quinto lugar. E o atual campeão da categoria, o escocês Dario Franchitti (Ganassi), largará em nono.

A disputa deste sábado quase não aconteceu porque a chuva caiu novamente na pista durante o dia. Apenas no final da tarde, quase noite, é que a organização realizou o top qualifying. E foi aí que Tagliani, dirigindo o carro de um ex-piloto da categoria - que ficou tetraplégico em um acidente na IRL - conseguiu o tempo de 2min38s2613 na soma de suas quatro voltas, a melhor combinação de todos.

Nenhum brasileiro passou para a disputa final, ou seja, os nove melhores. O melhor colocado é Vitor Meira (AJ Foyt), que ficou com o 11.º lugar. Hélio Castroneves (Penske), pole nos dois anos anteriores, decepcionou com o 16.º lugar, Bruno Junqueira (AJ Foyt) foi o 19.º e Tony Kanaan (KV-Lotus), o 23.º.

De curioso, a classificação do veterano Davey Hamilton (Dreyer&Reinbold), de 49 anos. Simona de Silvestro (SUI), mesmo com a mão com queimaduras e com um HVM reserva, entrou no 24.º e último lugar do dia.

Neste domingo acontece o Bump Day, que é a última chance de classificação para o grid - definirá do 25.º ao 33.º colocado. Dois brasileiros vão disputar essa etapa: Bia Figueiredo (Dreyer&Reinbold) e Raphael Matos (AFS).

Entre os integrantes deste grupo está a musa norte-americana Danica Patrick (Andretti) e todos os seus companheiros de equipe - Marco Andretti, Ryan Hunter-Reay e Mike Conway. O chinês Ho-Pin Tung (Dragon) sofreu um acidente, teve uma concussão e pode não disputar.

Confira o grid de largada das 500 milhas de Indianápolis de 2011:

1.º - Alex Tagliani (CAN/Sam Schimidt), 2min38s2613

2.º - Scott Dixon (NZL/Ganassi), 2min38s3528

3.º - Oriol Servià (ESP/Newman/Haas), 2min38s4727

4.º - Townsend Bell (EUA/Sam Schmidt), 2min38s6696

5.º - Will Power (AUS/Penske), 2min38s7493

6.º - Dan Wheldon (ING/Bryan Herta), 2min38s9477

7.º - Buddy Rice (EUA/Panther), 2min39s4431

8.º - Ed Carpenter (EUA/Sarah Fisher), 2min39s9137

9.º - Dario Franchitti (ESC/Ganassi), 2min39s0253

10.º - Takuma Sato (JAP/KV-Lotus),2min39s4785

11.º - Vitor Meira (BRA/AJ Foyt), 2min39s5814

12.º - JR Hildebrand (Panther/EUA),2min39s5895

13.º - James Hinchcliffe (CAN/Newman/Haas), 2min39s5942

14.º - Bertand Baguette (BEL/Rahal-Letterman),2min39s7973

15.º - Davey Hamilton (EUA/Dreyer&Reinbold),2min39s8223

16.º - Hélio Castroneves (BRA/Penske), 2min39s8464

17.º - John Andretti (EUA/Andretti), 2min40s0133

18.º - Ernesto Viso (VEN/KV-Lotus), 2min40s1907

19.º - Bruno Junqueira (BRA/AJ Foyt), 2min40s2203

20.º - Justin Wilson (ING/Dreyer&Reinbold), 2min40s3488

21.º - Jay Howard (ING/Sam Schmidt), 2min40s3685

22.º - Tomas Scheckter (AFS/KV-Lotus), 2min40s4040

23.º - Tony Kanaan (KV-Lotus),2min40s4156

24.º - Simona de Silvestro (SUI/HVM),2min40s4335

Não se classificaram e vão disputar o Bump Day neste domingo:

Paul Tracy (CAN/Dreyer&Reinbold)

Charlie Kimball (EUA/Ganassi)

Bia Figueiredo (BRA/Dreyer&Reinbold)

Danica Patrick (EUA/Andretti)

Graham Rahal (EUA/Ganassi)

Ryan Briscoe (AUS/Penske)

Marco Andretti (EUA/Andretti)

Pippa Mann (ING/Conquest)

Leia tudo sobre: indycaralex taglianihelio castroneves

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG