Romains Grosjean, líder do Mundial de Pilotos da categoria, marca a terceira posição, atrás de Álvaro Parente

Em um classificatório em que o brasileiro Luiz Razia foi apenas o 20º, Jules Bianchi assegurou a pole position para a primeira corrida do Grande Prêmio da Inglaterra da GP2 , que acontecerá neste sábado (9), em Silverstone. Será a quarta vez que piloto da Lotus ART larga na primeira posição de uma prova principal da categoria — as segundas corridas têm seu grid definido pela inversão das oito primeiras posições da disputa inicial.

Siga o iG automobilismo no Twitter

Bianchi repetiu o rendimento obtido na etapa do ano passado, quando também largou da pole. Em segundo, quem sai é Álvaro Parente, que surpreendeu ao levar a Carlin à posição imediatamente atrás de Jules.

O terceiro é o líder do campeonato, Romain Grosjean. O piloto da Dams ficou a 0s489 do tempo de Bianchi e foi 0s123 melhor do que Christian Vietoris, da Racing Engineering. O companheiro do alemão na equipe de Alfonso de Orleans-Borbón, Dani Clos, parte em quinto. O time completa nesta etapa três anos sem vencer uma corrida principal na categoria.

Max Chilton acompanhou o bom rendimento da Carlin e vai largar em sexto. Marcus Ericsson, da iSport, sai da sétima posição. Esteban Gutiérrez, que venceu a última corrida desta temporada, em Valência, foi o oitavo. Sam Bird não conseguiu repetir o rendimento do treino livre, em que liderou, e vai ser o nono colocado no grid.

O décimo foi Charles Pic, da Addax. Chamou a atenção o mau resultado de Giedo van der Garde, companheiro de Pic e vice-líder do campeonato. Outra equipe que não foi bem foi a Air Asia: Davide Valsecchi, companheiro de Razia, sai em 13º.

Com uma lesão no ombro, Kevin Mirocha não treinou. Fabio Leimer ficou aquém do limite de 107% do tempo do líder, mas deve ser liberado para correr.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.