Primeira prova do fim de semana na Alemanha teve vitória do venezuelano Johnny Cecotto

Dois brasileiros pontuaram na primeira prova do fim de semana da GP2 na Alemanha. Felipe Nasr foi o melhor colocado, com o quarto lugar, enquanto o líder o campeonato, Luiz Razia, terminou na sétima posição. O novato Vitor Guerin, em sua quinta etapa na categoria, rodou nas últimas voltas e teve que deixar a prova mais cedo.

Leia também: Guerin acerta com equipe e correrá mais três etapas da GP2

O venezuelano Johnny Cecotto saiu da 18ª posição do grid de largada para vencer a corrida em Hockenheim com uma grande vantagem para o segundo colocado, Fábio Leimer. O piloto da Barwa Addax apostou em uma estratégia diferente dos adversários, começando com pneus para pista seca mesmo após a chuva que caiu nos treinos da F1 , e assumiu a liderança da prova logo na primeira rodada de pit stops.

Siga o iG Automobilismo no Twitter

Além dele, apenas Stéphane Richelmi arriscou a mesma estratégia, e também deu certo. O piloto de Mônaco veio do fundo do grid para fechar o pódio com a terceira posição, que chegou a ser de Nasr a poucas voltas do final da corrida.

Deixe o seu recado e comente a notícia com outros leitores

Razia também foi ameaçado no fim do GP, mas conseguiu se defender dos ataques de James Calado e se garantir na 7ª posição, somando importantes pontos e abrindo vantagem de 12 pontos na liderança do campeonato. Mesmo fora do pódio, o resultado da corrida foi bom para o brasileiro, já que seus principais rivais na briga pelo título, Davide Valsecchi e Esteban Gutierrez, terminaram a prova atrás dele.

Os pilotos voltam à pista neste domingo (22), às 5h35 (de Brasília), para a segunda prova da etapa, que terá Calado na pole position e Razia largando ao seu lado na primeira fila.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.