Tamanho do texto

Australiano só abriu uma volta no Q3, teve problemas com o KERS e vai largar em quinto no GP da Itália

Neste sábado (10), Mark Webber se classificou em quinto para o Grande Prêmio da Itália. O australiano assumiu a culpa por um erro de estratégia na última parte do treino classificatório, que comprometeu seu rendimento. Neste domingo (10), às 9h, acompanhe a corrida no Tempo Real do iG .

Siga o iG Automobilismo no Twitter

“Acredito que dificultei um pouco para o time hoje em termos de realizar meu plano, não fui muito claro. Então não foi o melhor Q3”, admitiu Webber.

“Os pneus certamente estavam fortes para a primeira volta, mas no fim não consegui tirar o suficiente do carro em relação aos pneus em apenas uma volta. Acho que o melhor teria sido fazer duas voltas”, explicou o piloto da Red Bull .

Outra dificuldade apontada pelo australiano foi o uso do KERs, sistema de recuperação da energia cinética.”Estávamos administrando o KERS também. Tivemos alguns problemas na última volta, o que nunca é ideal, mas no final conseguimos a quinta posição”.

Webber aposta na largada da corrida para se aproximar do pódio em Monza: “Sabemos que a primeira volta aqui pode ser muito interessante, então forçarei o máximo que puder. Tenho um bom carro para a corrida, então veremos como será”.