Alemão tem chances de ser campeão se for ao pódio. Massa larga em sexto, Barrichello em 12º e Senna, em 15º

Neste sábado (24), Sebastian Vettel deu um passo importante rumo ao bicampeonato mundial de Fórmula 1 . O alemão cravou sua 11ª pole do ano no treino classificatório para o Grande Prêmio de Cingapura – se for ao pódio na prova, o piloto da Red Bull pode sagrar-se campeão. No domingo, às 9h (de Brasília), acompanhe a corrida no Tempo Real do iG .

Siga o iG Automobilismo no Twitter

Vettel cravou 1min44s381 e foi cerca de quatro décimos mais rápido do que Mark Webber, seu companheiro de equipe, que completou a dobradinha da Red Bull no classificatório.

Veja também: O que Vettel precisa para ser campeão no domingo

A segunda fila será formada pelos pilotos da McLaren, com Jenson Button em terceiro e Lewis Hamilton em quarto. Felipe Massa vai largar em sexto, uma posição atrás de Fernando Alonso, seu companheiro de Ferrari.

Rubens Barrichello, da Williams, vai largar em 12º. Bruno Senna, da Lotus Renault, vai partir em 15º em Cingapura. Confira como foi o classificatório:

Senna se garante no Q2 no último segundo

Quando o cronômetro do Q1 zerou, Bruno Senna estava na 18ª colocação, lugar que não permitiria sua classificação para o Q2. Porém, o brasileiro ainda estava em volta rápida e, em seu último giro, cravou o 15º melhor tempo da sessão, garantiu sua vaga e eliminou seu companheiro de Lotus Renault , Vitaly Petrov.

Além do russo, os carros da Team Lotus, da Virgin e da Hispania também não conseguiram se classificar para o Q2. Vitantonio Liuzzi teria de cumprir uma punição de cinco lugares no grid depois de causar um acidente no Grande Prêmio da Itália , mas isso não fará diferença, já que o piloto da Hispania ficou em último no classificatório.

Todos os pilotos fizeram voltas mais rápidas do que o limite de 107% em relação ao melhor tempo do Q1 permitido pelo regulamento e poderão alinhar normalmente na corrida de domingo.

Acidente de Kobayashi interrompe o Q2. Barrichello e Senna não avançam

Quando faltava pouco mais de nove minutos para o fim do Q2, a Sauber de Kamui Kobayashi decolou após passar pela zebra da curva 16. O piloto perdeu o controle do carro e bateu na saída da curva 17. O acidente causou bandeira vermelha, interrompendo a sessão.

O japonês não conseguiu marcar tempo no Q2 e vai largar em 17º. Os brasileiros Rubens Barrichello, 12º, e Bruno Senna, 15º, também não conseguiram se classificar para o Q3. Sergio Pérez, Pastor Maldonado, Sébastien Buemi e Jaime Alguersuari completaram a lista dos eliminados nessa sessão.Os carros da Red Bull, da McLaren, da Ferrari, da Mercedes e da Force India se classificaram para a disputa da pole.

Vettel crava mais uma pole e equipes dividem as primeiras filas

Podendo ser campeão mundial neste fim de semana, Sebastian Vettel conquistou sua 11ª pole da temporada em Cingapura. O alemão vai largar na frente de seu companheiro de equipe, o australiano Mark Webber.

As cinco primeiras filas serão divididas por companheiros de equipe, com os carros da McLaren na segunda, os da Ferrari na terceira, os da Mercedes na quarta e os da Force India na quinta.

O Grande Prêmio de Cingapura será disputado neste domingo (25), às 9h (de Brasília). O iG acompanha tudo em tempo real.

Confira como ficou o grid para o GP de Cingapura:

1 – Sebastian Vettel (ALE) – Red Bull – 1min44s381
2 – Mark Webber (AUS) – Red Bull – 1min44s732
3 – Jenson Button (GBR) – McLaren – 1min44s804
4 – Lewis Hamilton (GBR) – McLaren – 1min44s809
5 – Fernando Alonso (ESP) – Ferrari – 1min44s874
6 – Felipe Massa (BRA) – Ferrari – 1min45s800
7 – Nico Rosberg (ALE) – Mercedes – 1min46s013
8 – Michael Schumacher (ALE) – Mercedes – Sem tempo no Q3
9 – Adrian Sutil (ALE) – Force India – Sem tempo no Q3
10 – Paul di Resta (GBR) – Force India – Sem tempo no Q3
11 – Sergio Pérez (MEX) – Sauber – 1min47s616
12 – Rubens Barrichello (BRA) – Williams – 1min48s082
13 – Pastor Maldonado (VEN) – Williams – 1min48s270
14 – Sébastien Buemi (SUI) – Toro Rosso – 1min48s634
15 – Bruno Senna (BRA) – Lotus Renault – 1min48s662
16 – Jaime Alguersuari (ESP) – Toro Rosso – 1min49s862
17 – Kamui Kobayashi (JAP) – Sauber – sem tempo no Q2
18 – Vitaly Petrov (RUS) – Lotus Renault – 1min49s835
19 – Heikki Kovalainen (FIN) – Team Lotus – 1min50s948
20 – Jarno Trulli (ITA) – Team Lotus – 1min51s012
21 – Timo Glock (ALE) – Virgin – 1min52s154
22 – Jérôme D’Ambrosio (BEL) – Virgin – 1min52s363
23 – Daniel Ricciardo (AUS) – Hispania – 1min52s404
24 – Vitantonio Liuzzi (ITA) – Hispania – 1min52s810

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.