Publicidade
Publicidade - Super banner
Automobilismo
enhanced by Google
 

“Seria errado colocar Esteban Gutiérrez no Canadá”, afirma Sauber

Dirigente diz que volta de Pérez em Valência é praticamente certa e justifica escolha por Pedro de La Rosa

iG São Paulo |

Peter Sauber, chefe da escuderia Sauber, afirmou nesta quinta-feira (16) que considera correta sua opção de não ter escolhido o piloto reserva Esteban Gutiérrez para o Grande Prêmio do Canadá de Fórmula 1, no último domingo (12).

Siga o iG automobilismo no Twitter

Compatriota de Gutiérrez, o mexicano Sergio Pérez, que havia sofrido grave acidente na corrida anterior, em Mônaco, decidiu se ausentar da etapa canadense por não estar em condições físicas plenas para correr. Contudo, o escolhido para substituí-lo foi o reserva da McLaren, Pedro de La Rosa, deixando o reserva da Sauber e piloto da GP2 de fora.

“Essa questão é absolutamente clara. Somos responsáveis pelo Gutiérrez e ele tem contrato conosco por mais alguns anos”, afirmou Sauber. “Seria completamente errado colocá-lo no Canadá. É importante que ele se concentre na difícil GP2 e em fazer progressos por lá”, justificou.

Ainda de acordo com o manager, a escuderia tem tudo para voltar a ter seus dois pilotos de origem no Grande Prêmio da Europa, que será disputado em Valência, no dia 26. “Para mim, é claro que Pérez voltará a dirigir”. Apesar disso, De La Rosa continuará à disposição da Sauber, que já foi sua equipe.

Gutiérrez chegou à GP2 credenciado pelo seu título na GP3 – em 2010, venceu cinco das 16 corridas da categoria. O piloto mexicano tem outro título na carreira: em 2008, sagrou-se campeão da Fórmula BMW europeia.
 

Leia tudo sobre: Peter SauberPedro de la rosasergio pérezf1

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG