Publicidade
Publicidade - Super banner
Automobilismo
enhanced by Google
 

Senna culpa freios por mau desempenho em treino livre

Brasileiro ficou duas posições atrás do reserva Romain Grosjean na manhã desta sexta, mas melhorou na segunda etapa

Gazeta |

Após ficar atrás do reserva da Lotus Renault, Romain Grosjean, no primeiro treino livre para o Grande Prêmio do Brasil, Bruno Senna afirmou que um problema no freio acabou com seu desempenho na etapa inicial da sexta-feira (25) em Interlagos. Ele foi 14º na sessão, enquanto o francês ficou em 12º.

Leia também: Lewis Hamilton corre com capacete em homenagem a Ayrton Senna

No segundo treino livre, durante a tarde, o brasileiro conseguiu melhorar sua performance e acabou em 12º, logo atrás do russo Vitaly Petrov, seu companheiro na escuderia preta e dourada. "Tive um problema meio grave no freio de trás com o Kers, que acabava com a nossa performance. Isso melhorou no segundo treino, mas ainda precisamos trabalhar um pouquinho nisso", explicou o piloto, que descartou um problema com o sistema de reutilização de energia. "É na freada mesmo. Torcemos para que isso não continue para quando chegarmos na corrida", disse.

De acordo com o brasileiro, a equipe precisará trabalhar no balanço do carro para exercer um bom resultado em Interlagos. "Isso vai ser crucial para garantir que tenhamos um treino de classificação forte e uma boa chance no domingo também", avaliou.

O classificatório está marcado para este sábado (26) e a corrida para o domingo (27), ambos às 14h.

Leia tudo sobre: f1bruno sennapneusinterlagoslotus renaultgrosjeankubicapetrov

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG