Tamanho do texto

Piloto alemão da Mercedes teve seu desempenho no classificatório atrapalhado e vai largar na 11ª posição

11º colocado no treino classificatório para o GP da Malásia neste sábado, o piloto alemão Michael Schumacher disse que teve problemas com sua asa traseira móvel durante o Q2.

Siga o iG Automobilismo no Twitter .

“Tivemos alguns problemas com a ativação da asa hoje, e infelizmente isso comprometeu minha última volta. O carro se tornou difícil de dirigir, o que é uma pena porque tudo trabalhou muito bem nas primeiras voltas”, disse o heptacampeão.

“O desempenho foi muito melhor com a asa, então claro que nós tínhamos que usá-la, e eu ainda digo que nós demos um passo à frente graças ao trabalho duro do time”, completou o alemão.

O competidor da Mercedes acredita que pode surpreender na corrida deste domingo.

“Agora nós temos de nos concentrar na corrida, e vamos com a crença forte de que qualquer coisa é possível”, completou.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.