Publicidade
Publicidade - Super banner
Automobilismo
enhanced by Google
 

Rubinho se diz convencido de que continuará na Fórmula 1 em 2012

Apesar do atraso para fechar um acordo com a Williams, brasileiro confia na renovação de seu contrato

iG São Paulo |

Rubens Barrichello está convencido de que continuará na Fórmula 1 na próxima temporada, apesar do atraso para assegurar um novo acordo com sua atual equipe, a Williams.

Siga o iG Automobilismo no Twitter

O brasileiro ainda está negociando com o time a renovação de seu contrato para 2012, mas especulações na mídia sugerem outros candidatos à vaga, como Adrian Sutil, Bruno Senna e Giedo van der Garde - que levaria apoio financeiro à escuderia. Porém, Rubinho disse estar certo de que competirá na categoria no próximo ano e afirmou que só ficará na Williams se for para ter um carro mais competitivo do que em 2011.

“Não, não irá acontecer”, declarou Barrichelo, sobre a possibilidade de ficar fora da F1 em 2012. “Sinto que preciso levar tudo em conta, tenho que ver quão competitivo o carro será. Preciso de algo melhor para trabalhar por mais um ano, que será minha 20ª temporada”, desabafou o piloto, que soma apenas quatro pontos nesta temporada.

“Sinto que o time está melhorando com a mudança do motor e do pessoal, então consigo ver uma luz no fim do túnel. Mas só quero continuar porque as pessoas querem que eu continue e sabem que posso vencer”, explicou Rubinho. "Se não for assim, vou ficar na minha casa, cuidando dos meus filhos e vencendo meus jogos na internet. Já venci minha primeira corrida virtual esse fim de semana, o que é ótimo”, brincou.

No entanto, ele admitiu que gostaria de já ter fechado um acordo para 2012 e disse estar se esforçando para finalizar algo. “Estamos conversando todos os dias. Esperava que já tivéssemos feito um acordo, mas está demorando um pouco mais”, esclareceu.

“Por enquanto não tenho mais nada a declarar, apenas estou trabalhando muito para ver o que podemos fazer o quanto antes. Acho que a equipe está avaliando todas as perspectivas. Eles sabem o que posso oferecer. Continuo esperando”, concluiu.

Leia tudo sobre: F1Rubens BarrichelloWilliams

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG