Publicidade
Publicidade - Super banner
Automobilismo
enhanced by Google
 

Red Bull espera Ferrari, McLaren e Mercedes mais fortes em 2012

Neste ano, a equipe austríaca conquistou o Mundial de Construtores com três corridas de antecedência

iG São Paulo |

Com a vitória de Sebastian Vettel no Grande Prêmio da Coreia, a Red Bull garantiu seu segundo título do Mundial de Construtores com três corridas de antecedência. Christian Horner, chefe da equipe, não espera encontrar tanta facilidade em 2012, quando tentará o tricampeonato.

Veja também: Vettel se mostra aliviado após garantir o bi da Red Bull

“Nunca fica fácil, essa é uma certeza. Seria tolice subestimar equipes como a Ferrari, que é um fenômeno com tradição enorme, ou equipes como McLaren e Mercedes. Não somos tolos ou arrogantes o bastante para acharmos que esse tipo de desempenho é normal. É anormal e requer um reforço gigantesco. Sabemos que nossos competidores vão trabalhar duro na intertemporada porque fazer uma vez eles podem tolerar, mas duas vezes deve ter chateado um pouco”, disse Horner, em entrevista ao jornal britânico The Sporting Life, referindo-se ao bicampeonato da Red Bull.

Siga o iG Automobilismo no Twitter

O dirigente revelou que sua equipe vai usar os três últimos finais de semana de corrida desta temporada para fazer testes de olho no carro de 2012.

“O foco já começou a se mover em direção ao ano que vem, com menos de quatro meses para desenharmos e construirmos um carro completamente novo. As corridas finais são a única chance que temos, além do teste para jovens pilotos, antes do novo carro efetivamente nascer”, declarou Horner.

Leia tudo sobre: Christian HornerF1Red Bull

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG