Finlandês voltará às pistas com a Lotus após dois anos afastado da categoria

O finlandês Kimi Raikkonen afirmou que não se importa com as críticas ao seu retorno à Fórmula 1 na temporada 2012. Fora da categoria desde 2010 (fez sua última temporada em 2009), o piloto voltará a correr neste ano com a Lotus.

Leia também: Hamilton confia em McLaren forte desde o início da temporada

"Tem havido muito barulho na mídia sobre meu retorno. Mas isso não tem efeito sobre mim. Nunca me importei com o que as pessoas falam ou pensam. Faço minhas coisas e, enquanto eu estiver feliz, isso é o que me importa”, declarou Raikkonen após visitar a fábrica da Lotus (ex-Lotus Renault), em Enstone, para fazer o molde do banco para seu carro.

“Algumas vezes você escuta coisas sem o menor sentido e outras vezes você escuta coisas boas. O importante é que o retorno era o que eu queria e tenho uma boa oportunidade com o time, então estou feliz”, acrescentou.

Siga o iG Automobilismo no Twitter

O finlandês, campeão mundial em 2007, também se mostrou empolgado com as preparações de pré-temporada.

"Para mim, voltar à Fórmula 1 é uma coisa boa e espero que seja também para a equipe e para os fãs. Adoro essa época do ano na fábrica. Há uma verdadeira agitação em torno do novo carro, todos os departamentos estão trabalhando a todo vapor para conseguir ter tudo pronto a tempo. Você realmente consegue sentir a dedicação das pessoas e é muito bom fazer parte disso”, concluiu Raikkonen.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.