Publicidade
Publicidade - Super banner
Automobilismo
enhanced by Google
 

Presidente da FIA aposta na recuperação de Massa em 2012

Todt elogiou o brasileiro e exaltou Vettel, afirmando que o alemão pode bater os recordes de Schumacher

iG São Paulo |

Presidente da Federação Internacional de Automobilismo (FIA), Jean Todt defendeu Felipe Massa, que não fez uma boa temporada em 2011 e acabou na sexta colocação no Mundial de Pilotos. Na opinião do dirigente, o brasileiro sofreu para se adaptar aos pneus Pirelli e, mais acostumado, tem tudo para voltar a apresentar um bom desempenho no ano que vem.

Veja também: Após ano decepcionante, brasileiros lutam por manutenção na Fórmula 1

EFE
Felipe Massa ficou com o sexto lugar no Mundial de Pilotos deste ano

EFE
Jean Todt é o presidente da FIA
“Felipe foi incapaz de se adaptar completamente aos novos pneus Pirelli. Acho que ele ainda é bom e vai mostrar isso de novo”, disse Todt, em entrevista ao jornal italiano Corriere della Sera.

Siga o iG Automobilismo no Twitter

“Fernando Alonso é uma referência para todo mundo, não apenas para Felipe, e Felipe estava a apenas três décimos dele, não três segundos”, completou, referindo-se ao espanhol, companheiro de Massa na Ferrari.

O presidente da FIA elogiou também o bicampeão mundial Sebastian Vettel, afirmando que acredita que ele é capaz de bater os recordes do heptacampeão Michael Schumacher.

“Vettel pode quebrar os recordes de Schumacher, mas não devemos pensar muito nisso. Os dois são grandes pessoas semelhantes apenas por seu país natal, a Alemanha. O caráter e a personalidade dos dois é muito diferente”, declarou Todt.

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG