Publicidade
Publicidade - Super banner
Automobilismo
enhanced by Google
 

Pirelli espera maior desgaste de pneus do ano na Turquia

Paul Hembrey, diretor esportivo da equipe, diz que superfície áspera de Istambul deve acentuar degradação

iG São Paulo |

Diretor técnico da Pirelli, Paul Hembrey espera uma acentuada degradação de pneus no Grande Prêmio da Turquia, que será disputado no dia oito de maio. De acordo com o representante da fornecedora, espera-se um desgaste ainda maior do que na Malásia, quando os pilotos tiveram de fazer três ou quatro paradas.

Siga o iG Automobilismo no Twitter.

“A próxima corrida, em Istambul, será muito dura para os pneus, e é provavelmente a pior para nós como fornecedora de pneus. Então, isso vai mudar o tipo de estratégia exigida pela corrida. Acho que a Turquia será semelhante à Malásia em termos de degradação de pneus, se não pior por causa da superfície muito, muito áspera”, disse Hembrey, em entrevista à revista alemã Autosport.

Preocupado com o acentuado desgaste dos pneus duros, o dirigente revelou também que a equipe testará um novo composto na Turquia, e, dependendo do resultado, poderá introduzi-lo na Espanha ou na Inglaterra.

“Estamos tentando fazer um trabalho com os compostos duros para que eles durem mais algumas voltas. Percebemos nessas últimas corridas que estamos perdendo três ou quatro voltas de durabilidade, particularmente com os pneus duros em superfícies ásperas”, contou Hembrey.

Leia tudo sobre: PirelliPaul Hembrey

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG