Japonês admitiu que tem de assumir uma postura de liderança na Sauber

Desde sua estreia na Fórmula 1 , em 2009, o japonês Kamui Kobayashi tem sido elogiado por seu estilo de corrida agressivo. Na Sauber desde o ano passado, ele, no entanto, reconhece que precisa sempre tentar melhorar.

Siga o iG Automobilismo no Twitter

Em 2010, Kobayashi teve a companhia dos experientes Pedro De La Rosa e Nick Heidfeld. Neste ano, tem como colega o notavo Sergio Pérez, do México, que também foi elogiado pela diretoria do time suíço.

"Pilotos precisam sempre evoluir, nunca pensar que são perfeitos. Eu continuo aprendendo, com certeza Peter Sauber não está feliz, eles estão esperando por uma liderança no time. No ano passado, tivemos alguns erros e problemas", disse, em entrevista ao jornalista inglês James Allen.

"Mas, neste ano, tentamos marcar pontos com regularidade, o que conseguimos fazer bem. No ano que vem, preciso de uma abordagem diferente. Talvez precisemos de mais um passo, lutar um pouco mais. Com certeza, preciso de outra meta", acrescentou.

Para melhorar, o japonês já sabe onde precisa focar com sua Sauber. "Sei que não houve desempenhos fortes na classificação. A questão é que, quando o carro é bom, sempre estou bem. Mas se o carro não é confortável, então eu não estou usando seu desempenho total. Isso é algo em que eu preciso melhorar", concluiu.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.