Publicidade
Publicidade - Super banner
Automobilismo
enhanced by Google
 

Petrov descarta mulheres no grid da F1 e ironiza Alonso

Russo diz que mulheres não têm preparo físico para guiar carro da categoria e negou ser apenas mais um piloto pagante na F1

iG São Paulo |

O piloto Vitaly Petrov concedeu uma polêmica entrevista para o jornal italiano La Stampa desta terça-feira (13). O russo comentou sobre a presença de mulheres na Fórmula 1, pouco tempo após a confirmação da espanhola Maria de Villota como piloto de testes da Marussia. Para Petrov, é difícil que alguma mulher consiga alinhar no grid.

Leia também: GP da Austrália terá dois pilotos da casa pela primeira vez na história

“Elas não têm o físico e não estão preparadas para andar em alta velocidade. Mas tudo na vida é possível”, explicou. O russo concordou que as mulheres são mais atentas à segurança dos pilotos, mas disse que “basta que não estejam no grid”.

Petrov, que assumiu o lugar do italiano Jarno Trulli na Caterham e deixou a Itália sem pilotos na Fórmula 1 pela primeira vez de 1970, ironizou também que seja apenas mais um piloto pagante, que traz patrocínios à equipe, e se comparou a Fernando Alonso.

“Eu não acho que há uma diferença entre o Alonso e eu. Todo mundo sabe que ele é financiado pelo dinheiro do Banco Santander. De qualquer forma, só se começa na Fórmula 1 com talento”, explicou. Petrov ainda criticou os pilotos italianos atuais, dizendo que “não têm mais a paixão de antes”.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros leitores

Perguntado se conversou com Alonso depois do desentendimento entre os dois no GP de Abu Dhabi em 2010, o russo negou. “Não, ele é muito bravo, mas eu nunca fui abordado. Ele só devia ser zangado com ele mesmo”. Na época, Petrov realizou várias manobras e não deixou que o espanhol o ultrapassasse.

Siga o iG Automobilismo no Twitter

Quando questionado se gostaria de ser como outro piloto, Petrov disse que “há um tempo atrás teria dito Schumacher”. Porém, com a presença do alemão no grid, afirma que mudou de opinião. “Mas agora digo que não. Somos rivais diretos, por que ia querer me assemelhar a ele?”, concluiu.

Leia tudo sobre: Fórmula 1F1Vitaly PetrovFernando Alonsomulheres na F1

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG