Tamanho do texto

Em apenas doze etapas nesta temporada, alemão bate seu retrospecto em todo Mundial de 2010

Sebastian Vettel afirmou nesta segunda-feira (29) que sua folga na liderança do Mundial de Pilotos deste ano ainda não garante seu bicampeonato . Entretanto, o fato é que dificilmente o título escapa das mãos do atual campeão mundial. O piloto da Red Bull tem um retrospecto impressionante nesta temporada e não precisa mais de pódios para alcançar o título . Suas estatísticas em 2011 têm ainda mais valor quando comparadas ao seu desempenho em todo o Mundial de 2010. O alemão conquistou 256 pontos para ser campeão ano passado e, no atual campeonato, já tem 259.

Siga o iG Automobilismo no Twitter

Já se passaram 12 etapas na temporada atual. E Vettel tem grande domínio. Marcou sete vitórias e ficou de fora do pódio apenas no quarto lugar do Grande Prêmio da Alemanha . Nas 19 corridas do Mundial de 2010, o alemão venceu cinco provas e subiu ao pódio em mais cinco. Nas mesmas 12 etapas no ano passado, o atual campeão tinha feito 151 pontos, com cinco vitórias a menos do que teve este ano.

Desta maneira, o panorama do Mundial anterior não deve se repetir este ano. Na ocasião, além de Vettel, Fernando Alonso, Lewis Hamilton e Mark Webber tinham chances matemáticas de ser campeões até a última prova. O alemão da Red Bull foi para a corrida de encerramento, GP de Abu Dhabi, em terceiro, com 231 pontos. Como triunfou na prova, o jovem, então com 23 anos, superou o líder Alonso e o vice-líder Webber, para se tornar campeão. Este ano há mais 175 pontos em jogo e, como Vettel tem ampla diferença de 92 pontos para seu companheiro de equipe e vice-líder do Mundial, o bicampeonato deve acontecer com antecedência.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.