Brasileiro disse que pretende correr pela equipe em 2012 e que espera ter carro capaz de vencer

O brasileiro Rubens Barrichello se mostrou animado com a parceria que a Williams e a Renault firmaram para 2012 . De acordo com o piloto, os novos motores serão uma motivação a mais para que ele continue guiando pela escuderia na próxima temporada.

Siga o iG Automobilismo no Twitter

“Minha intenção sempre foi dirigir no ano que vem. Eles podem ver que eu estou me esforçando. Ainda estou perdendo peso. Ainda estou forçando a equipe aos seus limites. O carro não é bom, mas mantenho minha motivação. Eles têm tudo de mim. É bom ver que as coisas estão mudando porque a alma de todos está aqui. Claro que eu quero correr no ano que vem, e espero que seja com essa equipe”, disse Barrichello, em entrevista à revista britânica Autosport .

O brasileiro espera que, com o motor Renault e com a reformulação na equipe técnica da Williams , a escuderia possa criar um carro capaz de vencer corridas.

“Você pode ver a luz no fim do túnel, é tudo o que posso dizer. Não estou aqui para inventar números e não estou aqui apenas para andar em círculos. Já estou cansado disso. Só quero ter um carro que, como em minha temporada com a Brawn, me dê o que eu mereço, e para que o time fique em uma boa situação. Estamos indo no caminho certo”, opinou Rubinho.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.