Publicidade
Publicidade - Super banner
Automobilismo
enhanced by Google
 

Para Hamilton, toque com Maldonado poderia causar grave acidente

Piloto da McLaren, que larga em segundo no GP da Bélgica, afirma que incidente com a Williams foi sério

iG São Paulo |

Neste sábado (27), Lewis Hamilton se classificou em segundo para o Grande Prêmio da Bélgica, atrás apenas de Sebastian Vettel. Porém, o que marcou o treino do piloto foi um toque com Pastor Maldonado no fim do Q2, que, segundo o britânico, apenas a sorte evitou que se transformasse em um acidente maior. No domingo (28), às 9h, acompanhe a corrida no Tempo Real do iG.

Siga o iG Automobilismo no Twitter

Com o cronômetro da segunda parte do classificatório já zerado, Hamilton forçou uma ultrapassagem sobre o piloto da Williams para fechar uma volta rápida. Na sequência, quando eles voltavam para os boxes, Maldonado colocou seu carro ao lado da McLaren e os dois acabaram se tocando. "Acho que foi sério e foi sorte que nenhum de nós tenha sido levado a uma grande batida”, declarou Hamilton.

“No final do Q2, cheguei ao final da volta e a Williams estava indo muito devagar, então tive que ultrapassá-la, mas perdi um bom tempo. Quando estava saindo da curva 1, vi Maldonado se aproximando muito rápido. Ele veio na minha direção, eu não me movimentei para lugar algum, e ele tentou passar por mim”, explicou o piloto da McLaren. “Não sei se foi intencional”, acrescentou.

A equipe conseguiu fazer reparos urgentes no carro para que Hamilton pudesse voltar para a pista. Porém, mesmo tendo marcado o segundo melhor tempo, o britânico revelou que, em consequência do acidente, seu carro carregou alguns danos para o Q3.

"A asa da frente e a suspensão dianteira ficaram muito danificadas. Acredito que, uma vez que foi dada a bandeirada e que as luzes vermelhas estão acesas, não há necessidade de correr – nunca deveria haver um incidente”, concluiu. Pastor Maldonado foi punido pela batida e perdeu cinco posições no grid de largada.
 

Leia tudo sobre: F1Lewis HamiltonMcLarenPastor Maldonado

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG