Piloto espanhol foi o mais rápido do primeiro dia de treinos no circuito em Monte Carlo

Fernando Alonso mostrou satisfação após fazer a volta mais rápida do primeiro dia de treinos livres no circuito de Monte Carlo , em Mônaco. O piloto da Ferrari acredita que as características da pista ajudam a equipe italiana, mas acha também que, no classificatório, os carros da Red Bull devem melhorar seus desempenhos em comparação com os dos testes desta quinta-feira (26).

Siga o iG Automobilismo no Twitter

“Parece que somos um pouco mais competitivos aqui do que em qualquer outro lugar. Em Mônaco, a questão principal é ter uma boa sensibilidade do carro: quanto mais o piloto tem, mais ele pode forçar, volta após volta.”, declarou Alonso. “Mas temos que ser precavidos, porque não sabemos com quanto combustível os outros estão correndo”.

O piloto avaliou que a razão para o diferencial da Ferrari na pista do Principado é simples: “A aerodinâmica conta menos aqui, então estamos sofrendo menos. Em uma pista com a menor velocidade média, algumas fraquezas ficam escondidas por outros fatores, como o lado mecânico e do motor”.

Apesar de feliz com o resultado dos primeiros testes, o ferrarista sabe que no sábado a história pode ser bem diferente. “Estou satisfeito, mas sabemos que é só o primeiro dia e que as Red Bulls podem ter se escondido um pouco. Sábado será um dia muito mais estressante, porque aqui o menor erro carrega uma pesada penalidade”, disse Alonso.

O piloto também comentou sobre os pneus supermacios da Pirelli. “Acredito que o desempenho foi razoavelmente similar ao que vimos nos testes de inverno, ainda que as temperaturas agora sejam muito mais altas. Não há uma grande diferença entre os compostos, pelo menos essa foi minha impressão incial", afirmou.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.