Em situação difícil na equipe, alemão pode ser substituído por Bruno Senna ou Romain Grosjean

A situação de Nick Heidfeld na Lotus Renault não é confortável. Recentemente, Gerard Lopez, um dos acionistas da escuderia, se disse decepcionado com o desempenho do piloto nas pistas. O alemão, no entanto, afirmou que está satisfeito com sua temporada até aqui.

Siga o iG Automobilismo no Twitter

“Levando-se em conta as circunstâncias, eu estou satisfeito com minha temporada e com os serviços que prestei”, declarou Heidfeld, em entrevista à revista alemã Sport Bild .

“Ainda estou completamente comprometido para conseguir o máximo possível de pontos para a equipe, e ajudá-los no que eu puder”, completou o piloto alemão.

Bruno Senna é um dos candidatos a herdar a vaga de Heidfeld ainda nesta temporada. O brasileiro, inclusive, vai guiar o carro do alemão no primeiro treino livre na Bélgica . Romain Grosjean, francês que corre na GP2 , também tem chances.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.