Presidente diz que tradição manda a equipe italiana brigar pela vitória em todas as corridas

O presidente da Ferrari, Luca di Montezemolo, que viaja a Tóquio para eventos da marca italiana, afirmou nesta sexta-feira (1º) que não admite que a escuderia desista do título mundial. Fernando Alonso, melhor competidor do time de Maranello no Mundial de Pilotos , está a 99 pontos de distância do líder Sebastian Vettel.

Siga o iG Automobilismo no Twitter

Montezemolo disse que esteve em contato mais intenso com o chefe da equipe, Stefano Domenicali, e que a escuderia tem “trabalhado a todo vapor nos últimos tempos, e pode-se ver melhorias em relação às primeiras corridas”, segundo o italiano. “Sei que nossa situação é muito complicada no campeonato, mas eu não quero ouvir falar de desistência. Devemos buscar a vitória em todos os GPs, pois essa é a tradição da Ferrari", declarou.

O presidente também demonstrou sua confiança no trabalho de Domenicali, e afirmou que falar sobre o projeto 2012 é normal para essa época do ano. “Obviamente nós começaremos a falar do carro do ano que vem, o que é normal para a data em que estamos”, declarou. “Tenho fé no trabalho de Domenicali e estou convencido de que veremos resultados em breve”, completou.

A próxima parada da Fórmula 1 será o Grande Prêmio da Grã-Bretanha, que será disputado no dia 10 de julho. A prova será a nona em uma temporada de 19 etapas .

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.