Presidente ficou satisfeito com o desempenho de seus pilotos no Grande Prêmio do Canadá

Depois do desempenho da Ferrari no Grande Prêmio do Canadá , Stefano Domenicali, chefe da equipe, cogitou começar a pensar em 2012 já depois do Grande Prêmio de Silverstone, que será disputado no dia 10 de julho . Porém, para Luca di Montezemolo, presidente da escuderia, o foco ainda tem de ser nesta temporada.

Siga o iG Automobilismo no Twitter

“Temos de continuar forçando. No Canadá, tínhamos uma Ferrari muito competitiva, e acho que será a mesma coisa em Valência. Depois, teremos pela frente um circuito muito desafiador, mas estamos trabalhando muito”, disse Montezemolo, em entrevista à televisão italiana Sky .

Os pilotos da equipe italiana vinham fazendo boa corrida no Canadá até sofrerem acidentes: Fernando Alonso abandonou após choque com Jenson Button , e Felipe Massa perdeu as chances de pódio em incidente com Narain Karthikeyan . O desempenho animou o presidente.

“Prefiro ver uma Ferrari competitiva que abandona do que uma que termina em sexto ou sétimo. Esse carro não nasceu bom, mas eu sei da qualidade e da determinação dos meus homens. Precisamos responder sabendo que essa temporada não começou como gostaríamos. Mas a esperança é a última que morre”, declarou Montezemolo.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.