Brasileiro, que vai largar apenas em 16º no GP da Austrália, afirma que equipe está bem atrás das rivais

Na madrugada deste sábado (17), a Ferrari decepcionou e viu seus dois pilotos ficarem fora do top 10 do grid de largada do Grande Prêmio da Austrália. Felipe Massa, que sairá na 16º colocação, mostrou seu descontentamento após o treino classificatório. Neste domingo (18), às 3h (de Brasília), acompanhe a corrida no Tempo Real do iG .

Leia também: Schumacher consegue melhor posição no grid desde que voltou à F1

“Estou muito decepcionado. Esse não é o começo de temporada que estava esperando ou torcendo”, afirmou o brasileiro. “Foi difícil desde o início do classificatório. O equilíbrio do carro nunca ficou como queria e em momento algum consegui fazer uma volta limpa”, justificou.

Siga o iG Automobilismo no Twitter

Massa destacou os problemas do novo carro da Ferrari, que já havia apresentado um desempenho abaixo do esperado na pré-temporada . “Sempre me faltou aderência, com os pneus médios ou macios, e sofri com a falta de equilíbrio na entrada e saída das curvas. Não sei o motivo, mas o carro pareceu estar pior que nos testes de inverno, talvez pelas características deste circuito”, ressaltou.

Apesar do começo difícil, o piloto não perde as esperanças para a prova em Melbourne: “Vamos tentar fazer o que pudermos na corrida de amanhã. Não será fácil, porque começarei bem atrás, mas vou dar tudo de mim”.

Deixe o seu recado e comente a notícia com outros leitores

O brasileiro admitiu que o F2012 está bem atrás dos rivais e disse que a Ferrari precisará se esforçar para alcançar equipes como McLaren, Red Bull e Mercedes. “Estamos claramente atrás, talvez mais do que estávamos esperando e há outras equipes que melhoraram em relação ao ano passado. Precisamos trabalhar para encontrar a direção certa no desenvolvimento do carro”, finalizou.


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.