Publicidade
Publicidade - Super banner
Automobilismo
enhanced by Google
 

Massa e Webber tiveram os piores resultados nos duelos internos

Brasileiro e australiano tomaram 'lavadas' de seus companheiros de equipe tanto em classificatórios quanto em corridas

Rodrigo Vieira, iG São Paulo |

A temporada 2011 da Fórmula 1 teve grande domínio da Red Bull e de Sebastian Vettel – que ficaram com os títulos de construtores e de pilotos. Uma boa mostra da campanha irretocável do alemão se dá dentro da equipe. Tanto em classificatórios quanto em corridas, Vettel teve supremacia absoluta sobre seu companheiro, Mark Webber. O bicampeão só ficou atrás do australiano em três treinos oficiais e três GPs – a temporada teve 19 provas.

Leia também: Raikkonen elege pneus como maior desafio em seu retorno

Outro domínio significativo no duelo interno das grandes escuderias é o de Fernando Alonso sobre Felipe Massa. O espanhol terminou 15 classificatórios à frente, contra quatro do brasileiro e, assim como Vettel, foi superior ao companheiro de equipe 16 vezes em corridas.

Siga o iG Automobilismo no Twitter

Na McLaren, mesmo com Lewis Hamilton tendo uma temporada com muitos altos e baixos, houve equilíbrio. Jenson Button, vice-campeão, foi melhor do que o companheiro em dez corridas. Mas Hamilton levou a melhor em classificatórios: 12x7.

AE
Na Ferrari, Massa foi superado por Alonso

Entre os outros brasileiros, Rubens Barrichello venceu Pastor Maldonado tanto em classificatórios (10x9) quanto em corridas (11x6). Já Bruno Senna, que entrou com a temporada já em andamento, não fez feio perante Vitaly Petrov, que concluiu sua segunda temporada pela Lotus Renault. Senna venceu em classificatórios, por 5x3, mas, pelo mesmo placar, perdeu em GPs.

Uma das curiosidades do duelo das equipes está na Mercedes. Pelo segundo ano consecutivo, o heptacampeão Michael Schumacher levou a pior na comparação com Nico Rosberg. E o resultado foi elástico. Rosberg ficou à frente de Schumacher em 16 classificatórios e 11 corridas.

Confira abaixo os números dos duelos internos na temporada:

Disputa Classificatórios Corridas
Sebastian Vettel x Mark Webber 16 x 3 16 x 3
Lewis Hamilton x Jenson Button 12 x 7 9 x 10
Fernando Alonso x Felipe Massa 15 x 4 16 x 3
Nico Rosberg x Michael Schumacher 16 x 3 11 x 7*
Bruno Senna x Vitaly Petrov** 5 x 3 3 x 5
Adrian Sutil x Paul di Resta 10 x 9 11 x 8
Sergio Pérez x Kamui Kobayashi*** 10 x 8 7 x 9
Sébastien Buemi x Jaime Alguersuari 12 x 7 8 x 10*
Rubens Barrichello x Pastor Maldonado 10 x 9 11 x 6*
Heikki Kovalainen x Jarno Trulli 16 x 2 10 x 6*
Timo Glock x Jérôme D'Ambrosio 15 x 4 10 x 9
Vitantonio Liuzzi x Daniel Ricciardo** 6 x 4 3 x 7


* Quando os dois pilotos não completaram o GP, não foi contada vitória para nenhum
** Bruno Senna e Daniel Ricciardo entraram com a temporada em andamento
*** Sergio Pérez ficou fora de um classificatório e duas corridas por causa de lesão

Leia tudo sobre: F1Felipe MassaFernando AlonsoFerrariSebastian VettelMark WebberRed Bull

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG