Publicidade
Publicidade - Super banner
Automobilismo
enhanced by Google
 

Lotus melhora com relação à estreia e deixa pilotos animados

Trulli e Kovalainen afirmaram que a equipe evoluiu em comparação com a Austrália e apostam em boa prova

iG São Paulo |

No treino classificatório para o GP da Malásia deste sábado, a Team Lotus conseguiu melhorar uma posição em relação ao grid de largada de Melbourne com seus dois pilotos. Desta vez, Heikki Kovalainen e Jarno Trulli largarão em 19º e 20º lugar, respectivamente. A melhora agradou muito a todos os membros da equipe.

Siga o iG automobilismo no Twitter

“Assim que entrei na pista essa manhã, pude sentir que havia uma enorme melhora em todas as áreas do carro e nós não tivemos nenhum problema o dia todo, então tive a possibilidade de pisar de verdade”, disse Kovalainen após o fim das sessões.

“Eu gostei do dia inteiro e senti que pude tirar o melhor do carro em todas as voltas. Ainda há um pouco mais por vir e acho que amanhã será uma corrida bem interessante para nós, quando você vê como estamos próximos do pelotão intermediário e com o ritmo que nosso carro tem na competição”, acrescentou o finlandês.

Trulli teve um discurso muito parecido com o de seu parceiro. “O desempenho de hoje é obviamente muito mais positivo para toda a equipe. Não tivemos problemas com o carro em nenhuma sessão e acho que estamos bem próximos de mostrar o que o carro pode fazer. O FP3 foi muito útil e nós também coletamos alguns bons dados da classificação na medida em que tentamos o melhor do carro”, disse.

“O plano para amanhã é nos mantermos consistentes e confiantes, aproveitar nossas oportunidades na hora em que vierem e chegarmos até o fim. É uma corrida longa e muito quente e qualquer coisa pode acontecer, mas acho que estamos prontos para isso, então vamos ver como nos saímos”, finalizou o italiano.

O chefe da escuderia, Tony Fernandes, ficou extasiado com o desempenho final do time. “Palavras não conseguem expressar o quão feliz e alegre estou agora. Ao ver 18 meses de trabalho duro dando certo, com a gente conseguindo terminar entre os vinte, competindo com equipes que estão na categoria há muito tempo, e com menos de um segundo atrás do grupo intermediário. Isso é um grande feito”, afirmou.

 

Leia tudo sobre: Team LotusMalásia

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG