Publicidade
Publicidade - Super banner
Automobilismo
enhanced by Google
 

Longe de rivais, Alonso já pensa na segunda prova

Fraco desempenho da Ferrari no treino classificatório em Melbourne faz espanhol pensar em melhoras para o GP da Malásia

iG São Paulo |

O decepcionante início de ano da Ferrari foi assunto para Fernando Alonso logo após o final do primeiro treino classificatório da temporada da Fórmula 1. O espanhol saiu da pista durante a prática em Melbourne e ficou apenas com o 12º tempo da sessão, enquanto seu companheiro, Felipe Massa, foi o 16º. O espanhol admitiu que a Ferrari está um passo atrás das rivais e já projetou melhoras no F2012 para a segunda prova do ano.

Leia também: Massa reclama da nova Ferrari e diz estar decepcionado

“Há outras equipes que progrediram, mas acho que temos muita coisa para melhorar. Na Malásia, nós teremos o mesmo carro, então a situação não vai mudar muito. Só teremos que ver como o carro vai se adaptar às características da pista”.

Apesar de admitir que a escuderia não chegou ao início da temporada brigando pela vitória, Alonso tenta manter a calma com relação ao F2012. “É verdade que nosso objetivo no começo do ano era lutar pelas vitórias desde o início do campeonato e não conseguimos isso, mas será uma longa temporada e tudo que podemos fazer é trabalhar para melhorar o desempenho. Não há porque ficar com raiva, já que não há propósito para isso”.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros leitores

Alonso, que ficou de fora do Q3 no classificatório, admitiu que não conseguiria tempo suficiente para largar na linha de frente. “Fiz o meu tempo com pneus macios usados. Talvez com um novo conjunto eu pudesse ter ido ao Q3, mas eu não seria capaz de lutar pelas primeiras posições”, disse.

Siga o iG Automobilismo no Twitter

Sobre o acidente que o tirou a possibilidade de tentar mais voltas no Q2, o espanhol explicou que ainda tentou retornar ao circuito. “Eu freei um pouco na grama e o carro saiu por conta própria, e, quando vi, estava na brita. Eu consegui manter o motor funcionando e estava esperando que os fiscais de prova me ajudassem a voltar à pista”, completou. Neste domingo, às 3 horas (de Brasília), acompanhe o GP da Austrália ao vivo no Tempo Real do iG.

Leia tudo sobre: Fórmula 1F1GP da AustráliaFernando AlonsoFerrari

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG