Piloto italiano diz que conta com a confiança da equipe e espera melhora no carro para a próxima tempoada

O italiano Vitantonio Liuzzi está otimista em relação às suas chances de permanência na equipe Hispania na próxima temporada. O piloto de 31 anos chegou à escuderia neste ano, depois de ter corrido pela Force India em 2010, e diz ter o apoio dos dirigentes.

Siga o iG Automobilismo no Twitter

"Eu vejo tudo como um termo feito em longo prazo e acho que os donos me dão total apoio e confiança. Então, estou muito feliz de continuar neste projeto", declarou Liuzzi, em entrevista para a revista inglesa Autosport .

"Já fiz isto com a Toro Rosso e a Force India, então acho que existe grande chance de crescimento. Na Fórmula 1 você nunca sabe, então terei que esperar alguns meses, mas estou muito positivo em ficar porque acredito neste time", acrescentou.

O italiano também crê que a Hispania - que foi vendida para a companhia espanhola Thesan Capital - poderá dar um grande passo à frente na temporada que vem. "Tenho que dizer que, embora exista uma troca de proprietários, a família Carabante fez um grande trabalho para levar esta equipe para onde está agora. Mas até os novos donos parecem estar muito motivados e concentrados em fazer a equipe progredir. Ainda temos um grande projeto à frente e devemos dar o maior dos passos no ano que vem", explicou.

"O carro de 2012 já está sendo construído e Geoff (Willis, diretor técnico) está trabalhando muito forte nisso, então estou muito ansioso para o início da próxima temporada. Mas não podemos esquecer o campeonato atual, porque ainda temos uma temporada para disputar", concluiu o italiano.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.