Tamanho do texto

Piloto britânico projeta um bom resultado no GP da Espanha, pista em que ainda não venceu em sua carreira

No último domingo (8), no Grande Prêmio da Turquia , nenhum dos pilotos da McLaren conseguiu ir ao pódio. Fernando Alonso, em compensação, chegou em terceiro, e colocou a Ferrari no Top 3 pela primeira vez nesta temporada. Por isso, Lewis Hamilton acha que sua equipe tem de estar ciente do crescimento da escuderia, e também da Mercedes de Nico Rosberg e Michael Schumacher.

Siga o iG Automobilismo no Twitter .

“No início da temporada, esperávamos que a Ferrari e a Mercedes fossem competitivas, e, mesmo quando eles não conseguiram imprimir um bom desempenho nas três primeiras corridas, sabíamos que era questão de tempo para eles voltarem a fazer boas provas. Então, seu desempenho na Turquia não foi uma surpresa”, disse Hamilton, em entrevista ao seu site oficial.

Como meta para a próxima corrida, o britânico colocou uma vitória no GP da Espanha – o que o piloto ainda não conseguiu em sua carreira.

“Não foi muito bom para nós na Turquia, mas eu já estou ansioso para Barcelona. É um circuito em que nunca ganhei, então seria um grande incentivo para a equipe se eu conseguisse um bom resultado ali”, declarou.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.