Piloto indiano tinha esperanças de ser titular da Team Lotus em seu país

Karun Chandhok não será titular no Grande Prêmio da Índia, que será disputado neste domingo (30), às 7h30 (de Brasília). O indiano tinha esperanças de correr em seu país pela Team Lotus, mas vai participar apenas do primeiro treino livre, que acontecerá nesta sexta (28), às 2h30 (de Brasília).

Veja também: Cirurgião acredita no retorno de Robert Kubica à Fórmula 1

“Estou muito empolgado por dirigir no novo Circuito Internacional de Buddh no primeiro treino livre na frente dos fãs locais e, enquanto estou obviamente decepcionado por não ter a chance de correr no domingo, eu aceito a decisão da equipe de optar pela experiência e pelo talento que eles têm à disposição com Jarno (Trulli) e Heikki (Kovalainen)”, disse Chandhok.

Siga o iG Automobilismo no Twitter

“Em relação a mim, acredito que tenho de crescer como piloto dentro e fora do carro neste ano com meu papel nos treinos e estou ansioso para cumprir meu papel e ajudar a equipe a ter outro fim de semana forte na pista”, completou.

Com isso, o único piloto local a correr o primeiro Grande Prêmio da Índia da história será Karun Chandhok. O indiano vai assumir o carro de Vitantonio Liuzzi na Hispania.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.