Publicidade
Publicidade - Super banner
Automobilismo
enhanced by Google
 

Hamilton afirma que tirou o máximo da McLaren no classificatório

Britânico, que tem bom aproveitamento em Abu Dhabi, diz que não está frustrado com resultado

Gazeta |

Lewis Hamilton perdeu a pole position para Sebastian Vettel no classificatório do Grande Prêmio de Abu Dhabi de Fórmula 1 deste sábado (12). Apesar de ter sido com o cronômetro já zerado, a perda da primeira posição não deixou o britânico frustrado. De acordo com ele, o segundo lugar no grid de largada era o máximo que podia alcançar com sua McLaren. A corrida está marcada para este domingo (13), às 11h (de Brasília).

Veja também: Paul McCartney marca presença em treinos da F1. Veja fotos

"Foi uma sessão boa para mim. Nós tivemos dias legais aqui e coneguimos uma grande melhora, pelo menos em relação à última corrida. Senti que estava o mais rápido que podia ir", afirmou Hamilton, que marcou 1min38s622. A volta estabelecida pelo britânico no Q3 foi mais lenta que a do Q2 em 0s2. Já Vettel, que conquistou sua 14ª pole no ano, melhorou seu tempo da segunda para a terceira fase do treino classificatório e ficou com a primeira posição.

Siga o iG Automobilismo no Twitter

"Não foi realmente uma boa volta, a do Q2 foi muito melhor, mas é assim que são as coisas", disse Hamilton, piloto de bom histórico nos treinos classificatórios em Abu Dhabi. Em 2009, primeiro ano da corrida, ele foi o pole position, e na temporada passada também ficou em segundo, atrás de Vettel.

 

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG