No ano passado, dispositivo podia ser acionado apenas em uma reta do circuito de Melbourne

A primeira corrida da temporada da Fórmula 1 , na Austrália, contará com duas zonas para uso da asa traseira móvel.

Leia também: Valência e Barcelona vão se revezar no calendário da F1 a partir de 2013

A asa móvel foi introduzida na categoria na última temporada, na tentativa de aumentar o número de ultrapassagens nas provas. No GP da Austrália de 2011, o sistema só podia ser acionado na reta dos boxes do circuito de Albert Park, mas neste ano haverá mais um trecho em que a ativação do dispositivo será autorizada.

Siga o iG Automobilismo no Twitter

"Historicamente tem sido difícil ultrapassar em Melbourne, mas desta vez haverá duas áreas para o uso da asa traseira móvel”, revelou o engenheiro de pista da Sauber, Giampaolo Dall’Ara, à ESPN britânica.

O GP do Canadá do ano passado foi o primeiro a abrigar duas zonas de ativação da asa móvel , mas em duas retas consecutivas, com apenas um ponto de detecção da distância entre os carros - que precisa ser de no máximo 1s para que o piloto que pretende ultrapassar possa acionar o dispositivo. Dois pontos independentes de medição foram introduzidos na corrida da Itália , o que possibilitou que um competidor ultrapassado na primeira zona de ativação do sistema pudesse devolver a manobra na segunda zona.

Deixe o seu recado e comente a notícia com outros leitores

A FIA (Federação Internacional de Austomobilismo) ainda não publicou oficialmente como funcionarão as duas zonas para uso da asa traseira móvel em Melbourne, nem onde será a segunda área.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.