Alemão, que já garantiu o título da temporada, vai largar na segunda colocação, atrás de Lewis Hamilton

A equipe Red Bull perdeu no Grande Prêmio da Coreia do Sul a hegemonia nos treinos classificatórios da Fórmula 1 na temporada, mas o alemão Sebastian Vettel deixou o circuito de Yeongam satisfeito. Segundo colocado, ele disse que o resultado foi melhor do que esperava.

Leia também:
Longe de polêmicas, Hamilton faz sua primeira pole do ano

A pole position para o GP da Coreia do Sul de Fórmula 1 ficou com o britânico Lewis Hamilton, com o tempo de 1min35s820. Vettel foi quem chegou mais perto da marca do piloto da McLaren, com 1min36s042, à frente de Jenson Button, também da escuderia britânica.

"Nós o pressionamos bastante na classificação e chegamos muito perto, mais perto provavelmente do que eles esperavam e do que nós achávamos. Então fizemos um trabalho muito bom no treino classificatório", afirmou Vettel, dono de 12 pole positions na temporada. A avaliação de Vettel é decorrente do domínio da McLaren nos treinos livres na Coreia do Sul . Tanto com a pista molhada, na sexta-feira, como com o asfalto seco, pouco tempo antes do treino classificatório, a equipe britânica liderou a tabela de tempos, com vantagem sobre as outras escuderias.

O alemão, que já garantiu o bicampeonato da temporada, acredita que a corrida na madrugada de domingo será agitada e prevê uma primeira volta cheia de emoções em Yeongam .

"Não é um caminho muito longo até a primeira curva e depois a terceira é um pouco exposta", afirmou. "É uma corrida longa, muita coisa pode acontecer. Os pneus vão ser cruciais e Jenson fez uma prova muito boa na última corrida", completou.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.