Publicidade
Publicidade - Super banner
Automobilismo
enhanced by Google
 

FIA anuncia mudanças nas regras da Fórmula 1 para 2012

Limite máximo de duração das corridas e retorno dos testes estão entre as principais novidades

iG São Paulo |

Após reunião do Conselho Mundial de Automobilismo (WMSC, na sigla em inglês), a Federação Internacional de Automobilismo anunciou algumas mudanças nas regras da Fórmula 1 para a próxima temporada.

Veja também: FIA confirma Bahrein e Estados Unidos no calendário de 2012 da F1

A primeira delas vai afetar as equipes desde o começo do ano. Antes dos primeiros testes de pré-temporada, os carros terão de passar por testes de segurança obrigatórios para serem liberados para a pista.

Siga o iG Automobilismo no Twitter

Além disso, a FIA confirmou que, durante a temporada, haverá uma sessão de testes de três dias. Neste ano, o único treino permitido para as equipes no decorrer do campeonato foi o de jovens pilotos.

Outra mudança é válida para provas em que o safety car entrar na pista. Retardatários poderão ultrapassá-lo para retornarem ao fim do grid. Isso serve para impedir que carros mais lentos atrapalhem a relargada.

A FIA também estabeleceu uma duração máxima de quatro horas para as corridas que tenham de ser interrompidas com bandeira vermelha. Isso impediria que o Grande Prêmio do Canadá deste ano, por exemplo, durasse aproximadamente 4h05 após ser atrapalhado pela chuva.

Outra mudança nas regras diz respeito a treinos livres e classificatórios. Os pilotos não poderão mais deixar a pista e “cortar caminho” em trechos alternativos nem mesmo em voltas que não são lançadas, como Vettel fez neste ano no Japão para chegar mais rápido aos boxes.

Por fim, pilotos que estiverem no pit lane quando uma prova for interrompida por bandeira vermelha poderão retomar sua posição no grid, e as equipes poderão usar todos os seus pneus desde o início dos treinos livres.

Leia tudo sobre: F1FIA

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG