Publicidade
Publicidade - Super banner
Automobilismo
enhanced by Google
 

Ferrari cessa desenvolvimento e já trabalha no carro de 2012

De acordo com chefe da equipe, título está muito difícil e atualizações na Bélgica não surtiram efeito desejado

iG São Paulo |

Chefe da Ferrari, Stefano Domenicali revelou nesta quinta-feira (15) que a escuderia de Maranello não foca mais no 150º Italia, carro que Fernando Alonso e Felipe Massa usam no atual campeonato. De acordo com o dirigente, era para acontecer no Grande Prêmio da Bélgica um avanço significativo no rendimento do time, mas como isso não ocorreu e com as dificuldades de alcançar o líder Sebastian Vettel, a prioridade da Ferrari deve ser a próxima temporada.

Siga o iG Automobilismo no Twitter

À televisão britânica BBC, Domenicali admitiu que as chances de Alonso ser tricampeão ficaram distantes. “O título ficou muito, muito, muito difícil de ser conquistado agora. Temos que parar de desenvolver o carro deste ano”, analisou o chefe. “Nossa expectativa era de evoluir em Spa-Francorchamps, mas ao contrário do que pensávamos, o rendimento caiu na pista belga e também no GP da Itália”, completou.

Na quinta-feira passada (9), Domenicali havia afirmado que sua pretensão era de ser competitivo desde a primeira etapa da temporada 2012. “O carro não vai ser alterado, porque em Maranello nós estamos trabalhando no projeto de 2012. A meta é ser competitivo desde a primeira corrida, porque não podemos começar mal”, revelou o dirigente.

Com isso, o chefe da Ferrari quer apagar o mau começo de campeonato da escuderia nesta temporada. O primeiro pódio de Fernando Alonso no ano só apareceu na quarta etapa, no GP da Turquia.
 

Leia tudo sobre: f1fernando alonsoferraristefano domenicalimassa

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG