Publicidade
Publicidade - Super banner
Automobilismo
enhanced by Google
 

Em um ano e meio, Alonso supera Massa em poles, vitórias e pontos

Inferioridade do brasileiro em relação ao espanhol é maior do que na época em que correu ao lado de Schumacher. Veja comparação

Rodrigo Vieira, iG São Paulo |

A temporada de Felipe Massa não é das melhores. Em oito corridas até agora, o brasileiro teve como melhores resultados dois quintos lugares, na Malásia e em Valência. Ao todo, o ferrarista tem 42 pontos, 144 a menos do que o líder Sebastian Vettel. Mas a comparação mais apropriada é com o seu companheiro de equipe, Fernando Alonso.

Siga o iG automobilismo no Twitter

O espanhol tem 87 pontos no ano, mais do que o dobro de Massa. Alonso, aliás, conquistou os únicos três pódios da Ferrari na temporada. Em corridas, o bicampeão mundial chegou cinco vezes à frente do companheiro no ano. Em classificatórios a diferença é ainda maior: Alonso foi mais rápido do que Massa em todos os treinos que definem o grid até agora.

Contando a temporada passada, quando também correram juntos na Ferrari, a diferença entre Alonso e Massa é grande (veja tabela). Em um ano e meio, o espanhol chegou à frente do brasileiro em 19 dos 27 GPs. Em classificatórios, Alonso foi melhor 23 vezes. Neste período, Massa não conquistou nenhuma vitória. Alonso, por sua vez, subiu ao lugar mais alto do pódio cinco vezes.

Nos dois melhores resultados de Massa em 2010 (dois segundos lugares, no Bahrein e na Alemanha), o vencedor das provas foi justamente Fernando Alonso. O espanhol, aliás, quase venceu o Mundial de 2010 – terminou na segunda colocação, atrás apenas quatro pontos do campeão, Vettel. Massa, por sua vez, acabou na sexta colocação, com mais de 100 pontos de desvantagem para o espanhol.

A disparidade supera a que Massa teve para seu primeiro colega de Ferrari, o heptacampeão mundial Michael Schumacher, em 2006. No ano de sua estreia na escuderia italiana, Massa conseguiu chegar à frente do alemão em cinco corridas e cinco classificatórios (a temporada de 2006 tinha apenas 17 etapas). O brasileiro terminou o Mundial daquele ano na terceira colocação, apenas uma atrás de seu companheiro. Ao lado de Schumacher, Massa conseguiu duas vitórias, contra sete do alemão.

Disputa com Raikkonen é equilibrada

Desde que começou a correr pela Ferrari, em 2006, apenas uma vez Massa conseguiu superar seu companheiro de equipe. Foi em 2008, ao lado de Kimi Raikkonen (de quem foi parceiro também em 2007 e 2009). Em 2008, aliás, Massa fez sua melhor temporada da carreira e perdeu o título para Lewis Hamilton já no fim do Grande Prêmio do Brasil, último daquele ano.

No ano anterior, Raikkonen tinha sido campeão mundial – Massa terminou em quarto o campeonato. Em 2009, por conta de um grave acidente na Hungria, Massa não participou de metade da temporada.

O rendimento de Massa este ano já coloca em risco sua continuidade na Ferrari. Nomes como o de Nico Rosberg e de Jenson Button são alguns dos que aparecem como possíveis substitutos do brasileiro na próxima temporada. A equipe italiana, porém, nega a saída de Massa em 2012.

Confira o quadro comparativo de Massa com Schumacher e Alonso:

Dupla Vitórias   
Poles   
     Pontos
Placar nas corridas Placar nos classificatórios
Massa e Schumacher (2006) 2 x 7 2 x 4 80 (3º) x 121 (2º)              5 x 12*              5 x 13
Massa e Alonso (2010) 0 x 5 0 x 2 144 (6º) x 252 (2º)              5 x 14              4 x 15
Massa e Alonso (2011) 0 x 0 0 x 0 42 (6º) x 87 (5º)              3 x 5              0 x 8


* Massa e Schumacher não completaram o GP da Austrália em 2006

Leia tudo sobre: Felipe MassaFerrariF1Fernando Alonso

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG