Publicidade
Publicidade - Super banner
Automobilismo
enhanced by Google
 

Em seu quinto ano na F1, Vettel tenta ganhar em casa pela 1ª vez

Assim como o alemão, outros grandes campeões da categoria demoraram para vencer em seus países

Mariana Gianjoppe, iG São Paulo |

Após vencer seis das nove primeiras corridas desta temporada da Fórmula 1, conquistar sete pole positions e abrir uma distância de 80 pontos na liderança do campeonato, o alemão Sebastian Vettel ainda precisa quebrar um tabu em sua carreira: conquistar sua primeira vitória em casa. No Grande Prêmio da Alemanha deste domingo (24), Vettel terá um desafio a mais - pela primeira vez neste ano, o piloto ficou de fora da primeira fila do grid e largará em terceiro.

Siga o iG Automobilismo no Twitter

Campeão mundial em 2010 e principal candidato ao título da atual temporada, Vettel corre na Fórmula 1 desde 2007, quando estreou no GP dos Estados Unidos. Desde então, o piloto já venceu 16 provas, mas nunca em território alemão.

O piloto da Red Bull, no entanto, não está sozinho na galeria de campeões que demoraram a vencer em casa (veja quadro abaixo). Seu compatriota e maior vencedor da história da F1 Michael Schumacher também teve dificuldades para superar esse tabu. O heptacampeão começou a correr na categoria em 1991, ganhou seu primeiro título mundial em 1994, mas só foi vencer na Alemanha no ano seguinte.

A trajetória de Schumacher em sua terra natal, entretanto, pode servir como incentivo para Vettel, já que, após quebrar o jejum no GP da Alemanha de 1995, o piloto venceu mais três vezes no circuito de Hockenheimring e cinco vezes na pista de Nurburgring.

Quem também demorou para ter sorte em casa foi Ayrton Senna. Tendo começado na categoria em 1984, conquistou sua primeira vitória no Brasil, em Interlagos, sete anos depois, na temporada em que conquistou seu tricampeonato. Nelson Piquet demorou um pouco menos: estreou em 1978 e venceu pela primeira vez o GP do Brasil em 1983. Assim como Piquet, Fernando Alonso e Nigel Mansell só venceram em casa no sexto ano após a estreia na F1.

O tricampeão Niki Lauda sofreu ainda mais para conseguir vencer em casa. O austríaco disputou 12 vezes o GP no circuito de Osterreichring, mas só venceu uma, em 1984, 13 anos após estrear na F1. Mas é de Graham Hill, campeão em 1962 e 1968, o exemplo mais frustrante - o inglês disputou 17 GPs da Grã-Bretanha, mas nunca chegou à vitória.

Já Emerson Fittipaldi, bicampeão, e o francês Alain Prost, tetracampeão, não demoraram a se sentir à vontade correndo diante de seus torcedores. O brasileiro venceu de cara o primeiro GP do Brasil da história, em 1973, enquanto Prost venceu na França em 1981, ano seguinte a sua estreia na categoria. Dentre os campeões mais recentes, Lewis Hamilton é outro que venceu em casa logo em seu segundo ano correndo na F1. Já seu companheiro de McLaren, Jenson Button, estreou em 2000 e ainda não venceu na Inglaterra.

Veja alguns dos grandes campeões da Fórmula 1 que demoraram para vencer em casa.

Piloto Ano de estreia na F1 Primeira vitória em casa
Niki Lauda  1971  1984
Nelson Piquet  1978  1983
Nigell Mansell  1980  1985
Ayrton Senna  1984  1991
Michael Schumacher  1991  1995
Fernando Alonso  2001  2006
Sebastian Vettel  2007  Ainda não venceu

 

Leia tudo sobre: sebastian vettelmichael schumacherayrton sennaf1

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG