Publicidade
Publicidade - Super banner
Automobilismo
enhanced by Google
 

Ecclestone aprova retorno do Bahrein ao calendário da F1

Segundo o chefe da categoria, FIA enviou representantes ao país para garantir a segurança no local

iG São Paulo |

Chefe da Fórmula 1, Bernie Ecclestone defendeu a decisão de remarcar o Grande Prêmio do Bahrein – a corrida será disputada no dia 30 de outubro e, com isso, o GP da Índia vai acontecer no dia 11 de dezembro. De acordo com o dirigente, representantes da Federação Internacional de Automobilismo (FIA) foram enviados para o país árabe e disseram que a situação no local está normalizada.

Siga o iG Automobilismo no Twitter

“A verdade é que a decisão foi votada na FIA, então é o que é. Passou pela aprovação do Conselho Internacional de Automobilismo. A FIA mandou pessoas para checarem a situação, elas voltaram e reportaram que tudo estava bem”, disse Ecclestone, em entrevista à agência britânica Press Association.

O dirigente diz que entende as preocupações das equipes, mas acredita que tudo vai acabar bem no Bahrein.

“É óbvio que todo mundo sente a necessidade de se sentir seguro. No fim, teremos que esperar para ver o que vai acontecer no Bahrein. Se encontrarmos paz, sem problemas, então suponho que as equipes estarão bem. Claro que eles não gostariam de correr em dezembro, mas essas são circunstâncias excepcionais”, opinou Ecclestone.

Leia tudo sobre: FIAF1GP do BahreinBernie Ecclestone

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG