Publicidade
Publicidade - Super banner
Automobilismo
enhanced by Google
 

Do sonho ao pesadelo, Grosjean larga em terceiro, mas abandona

Piloto da Lotus fez belo treino classificatório, mas saiu do GP da Austrália logo na segunda volta

iG São Paulo |

O piloto Romain Grosjean viveu situações extremas em apenas um fim de semana em Melbourne. Pelas palavras do próprio francês, o sábado foi de sonho: conseguiu levar a Lotus ao terceiro lugar no treino classificatório, o que o deixou atrás apenas dos carros da McLaren.

Leia também: Button vence e brasileiros abandonam no GP da Austrália

“É como se um sonho virasse realidade. Quando escutei minha colocação no rádio, não podia acreditar”. A frase dita pelo piloto ao final do treino de sábado destoa do resultado obtido neste domingo (18).

Na corrida, o roteiro foi completamente diferente. Logo na segunda volta, o francês foi tocado por Pastor Maldonado, da Williams, e saiu da pista. Terminava ali o sonho do piloto da Lotus de fechar a corrida entre os três primeiros. “Acho que podíamos ter alcançado um grande resultado hoje. É frustrante já que eu queria receber a bandeirada e chegar ao pódio”.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros leitores

Grosjean ainda explicou o momento em que saiu da pista após ter se chocado com Maldonado. “Pelo que eu vi ele freou muito tarde e acertou minha roda dianteira direita, o que me fez perder a direção, e foi isso: minha corrida acabou”.

Siga o iG Automobilismo no Twitter

O companheiro de equipe de Grosjean, Kimi Raikkonen, viveu situação diferente. No treino, o campeão mundial de 2007 foi eliminado logo no Q1 e largou na 17ª posição. Já na corrida, conseguiu chegar em sétimo, marcando seis pontos para a Lotus.

Leia tudo sobre: Fórmula 1F1GP da AustráliaRomain GrosjeanLotusKimi Raikkonen

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG