Publicidade
Publicidade - Super banner
Automobilismo
enhanced by Google
 

Dirigentes dizem que GP da Espanha será teste para novas regras

Chefes da McLaren, da Williams e da Force India esperam impacto da asa móvel, do KERS e dos pneus

iG São Paulo |

De acordo com chefes de equipes da Fórmula 1, as principais novidades da temporada terão seu principal teste neste domingo (22), no Grande Prêmio da Espanha. Para Martin Whitmarsh, dirigente da McLaren, a asa traseira móvel e o KERS podem tornar a corrida, famosa por não oferecer chances de ultrapassagens, mais interessante.

Siga o iG Automobilismo no Twitter.

“Vimos como a asa móvel e o KERS têm influenciado as corridas nesta temporada, então vamos ver como as coisas acontecerão em Barcelona, dado que o Grande Prêmio da Espanha oferece oportunidades limitadas de ultrapassagem,” disse o chefe da escuderia, em entrevista à revista alemã Autosport.

Sam Michael, chefe de equipe da Williams, acredita que acontecerão mais ultrapassagens nesta temporada do que em anos anteriores.

“Tenho certeza disso. Acho que vai ser um teste muito bom. No passado, essa foi a pior pista para ultrapassagens”, disse Michael, em opinião reforçada pelos pilotos da F1.

Executivo-chefe da Force India, Otmar Szafnauer diz que espera que o impacto das novas regras na corrida não diminua sua qualidade.

“Com muitos pitstops, você tem diferenças nos pneus, e ultrapassar torna-se muito fácil. Achei que o GP da China foi ótimo, fantástico, mas talvez na Turquia isso foi um pouco exagerado. Mas vamos dar mais uma chance para ver se teremos uma corrida mais parecida com a da Turquia ou com a da China”, disse o dirigente da equipe indiana.

Leia tudo sobre: Martin WhitmarshSam MichaelF1

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG