Publicidade
Publicidade - Super banner
Automobilismo
enhanced by Google
 

Damon Hill crê em disputa acirrada nesta temporada

Campeão de 1996 diz que Vettel terá vida difícil, elogia a McLaren e critica Ferrari por atuação na Austrália

iG São Paulo |

O ex-piloto Damon Hill disse nesta quarta-feira que a disputa da temporada de F1 desse ano será ainda mais competitiva do que a de 2010. Contrariando outras previsões, o inglês, campeão do mundo em 1996 pela Williams, crê que Vettel não garantirá o topo de ponta a ponta no campeonato. “Os pilotos estarão perto o suficiente e teremos mais pegas”, afirmou o britânico, que justificou dizendo que “é difícil manter-se no topo por toda a competição”.

Hill também se manifestou sobre o desempenho da estreia de Ferrari e McLaren, dizendo que esperava mais da equipe italiana e menos da inglesa. “Eu pensei que a Ferrari estaria mais avançada, e fiquei surpreso com a boa corrida da McLaren”, declarou o ex-companheiro de Senna. “Pelo que vi nos testes da McLaren em Barcelona, a equipe mostrou muito no GP da Austrália”, justificou.

O inglês vê as duas equipes, além de Renault e Mercedes, com chances de fazer uma competição “excitante” na Malásia e nas próximas corridas. “Todos vão competir acirradamente sem dar brechas. Será como no ano passado, cheio de pilotos brigando pelo topo do campeonato”.

A McLaren tem como pilotos os britânicos Lewis Hamilton e Jenson Button. Hamilton conquistou a segunda colocação na Austrália, e seu companheiro finalizou a corrida em sexto. Segundo Hill, a McLaren é uma das poucas equipes com o poder de sempre despontar. “Há certas equipes que possuem profundo talento e experiência em seu departamento de design, e assim estarão sempre no páreo. Assim é a McLaren”, elogiou.

Leia tudo sobre: Damon HillMcLarenFerrariSebastian VettelFórmula 1

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG