Publicidade
Publicidade - Super banner
Automobilismo
enhanced by Google
 

Coulthard inocenta Massa em incidente com Hamilton na Índia

Ex-piloto escreveu em sua coluna que punição pode ter sido uma espécie de compensação

Gazeta |

O britânico David Coulthard manifestou-se sobre o incidente com Felipe Massa e Lewis Hamilton durante o Grande Prêmio da Índia, no último fim de semana. De acordo com o ex-piloto, o brasileiro não teve culpa e não deveria ter sido punido com um drive-through pela organização.

Leia também: Felipe Massa completa três anos sem vitórias na Fórmula 1

Na metade da prova, Hamilton chocou-se com Massa em uma curva fechada, na qual o brasileiro não deu passagem para o inglês. Depois da prova, o piloto da Ferrari explicou que não viu a McLaren do rival, enquanto seu adversário disse que não teve espaço para tomar qualquer decisão.

Siga o iG Automobilismo no Twitter

Em sua coluna no jornal inglês The Telegraph, Coulthard disse que o carro que vem atrás é o responsável pela colisão. "Simplesmente não entendo como Felipe pode ter sido considerado culpado. Como pilotos, sempre somos ensinados que o carro de trás é responsável. Então, na minha cabeça, os comissários interpretaram mal o que aconteceu", escreveu.

"Se Lewis estivesse ao lado de Felipe chegando a um grampo, onde a zona de frenagem é de talvez 100 metros ou dura por alguns segundos, então, acho que Massa teria que dar passagem. Mas, perto de uma curva em quarta marcha, de talvez 150 ou 160 km/h? Onde a zona de frenagem dura apenas um segundo? Não acho que Massa possa ser o responsável", acrescentou Coutlhard.

O ex-piloto ainda disse que, em função das polêmicas protagonizadas por Hamilton neste ano - várias delas envolvendo Massa- a organização da Fórmula 1 pode ter favorecido o inglês para compensar seus episódios recentes.

"Tomar este tipo de decisão é uma das maiores dificuldades neste complexo esporte que é a F1, mas foi quase como se eles tivessem sentido que estavam tentando balancear. Um pouco como é no futebol, quando um juíz expulsa alguém em uma situação polêmica e o público reclama, ele fica mais disposto a expulsar um jogador do outro time", encerrou.

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG