Tamanho do texto

Chefe da McLaren afirma que os pilotos competirão sob pressão menor nas próximas provas

Após chegar em terceiro no Grande Prêmio do Japão , disputado no último domingo (9), Sebastian Vettel sagrou-se bicampeão mundial. Para Martin Whitmarsh, chefe de equipe da McLaren, a definição do título e a consequente diminuição da pressão sobre os competidores poderá aumentar o nível das próximas corridas.

Veja também: Irritado, Lewis Hamilton lamenta quinta colocação no GP do Japão

“Inevitavelmente, haverá uma queda no interesse, mas a tensão e a empolgação que tivemos a sorte de encontrar nos últimos anos não foi à toa. Na verdade, eu acho que vocês realmente vão ver algumas corridas incríveis com os melhores pilotos do mundo”, disse Whitmarsh, em entrevista ao jornal indiano The Times of India .

Siga o iG Automobilismo no Twitter

O dirigente da McLaren acredita que seus pilotos, Jenson Button e Lewis Hamilton, vão continuar motivados para vencerem mais corridas até o fim do ano.

“Não perdemos nem um pouco da nossa ambição agora que o Mundial de Pilotos já está resolvido e eu sei que nossos dois pilotos adorariam conseguir uma dobradinha para a equipe para provarem que nós temos um carro muito competitivo no momento”, declarou Whitmarsh.