Chefe da Red Bull acredita que resultado ajudará no aumento da confiança do australiano

Getty Images
Webber comemora sua terceira colocação no pódio, com Lewis Hamilton
Lewis Hamilton foi o vencedor do Grande Prêmio da China no último domingo (17). Mas quem chamou mais atenção durante a corrida foi Mark Webber. Após largar na 18ª posição, o australiano fez ótima prova de recuperação e acabou no pódio, na terceira colocação.

Siga o iG Automobilismo no Twitter

Para o chefe da equipe Red Bull, Christian Horner, o resultado certamente ajudará Webber a ganhar mais confiança para o restante do campeonato. “Foi ótimo para sua confiança este ótimo resultado, principalmente com a corrida incrível que fez”, disse Horner. “Ele teve um classificatório complicado, mas manteve a cabeça erguida, não perdeu o foco e realizou uma grande corrida”.

Horner aproveitou para falar das diferentes disputas que Webber teve durante a prova em Xangai. “No começo da corrida ele estava brigando para ultrapassar carros da Team Lotus. No fim, ele estava na briga com as McLarens”, afirmou.

O chefe da Red Bull disse também que, por não ter conseguido passar do Q1 no treino de classificação, Webber teve a vantagem de ter pneus novos para a corrida. “A estratégia deu certo para ele. Ele fez uma corrida boa, mas tinha três conjuntos de pneus novíssimos para usar”, completou.

O começo de temporada de Mark Webber não foi dos melhores. Conseguiu uma quinta colocação na Austrália, ficou em quarto na Malásia e, na China, conquistou seu melhor resultado, com o terceiro lugar. Enquanto isso, seu companheiro de equipe, Sebastian Vettel, venceu as duas primeiras provas e acabou a corrida na China na segunda colocação.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.