Alemão pode bater marcas de poles e pódios em uma mesma temporada. A longo prazo, o alvo é Schumacher

O título que Sebastian Vettel conquistou neste domingo (9) ao chegar na terceira colocação no Grande Prêmio do Japão o fez quebrar mais uma marca em sua carreira, o de bicampeão mais jovem da história da Fórmula 1 . Com conquistas precoces, o alemão coleciona recordes semelhantes na categoria: foi o piloto mais novo a pontuar, a vencer e a ser campeão . Porém, em termos de números absolutos, o alemão ainda terá que guiar muito mais para conseguir superar grandes nomes.

Siga o iG Automobilismo no Twitter

Em termos de poles, Vettel já colocou seu nome entre os maiores da F1. O alemão largou na frente 27 vezes - é o sétimo que mais conseguiu o feito na história. Nesta temporada, o piloto da Red Bull pode superar ainda Juan Manuel Fangio, dono de 29 poles na carreira. Porém, os dois primeiros colocados na lista – Michael Schumacher, com 68, e Ayrton Senna , com 65 – ainda aparecem bem distantes do bicampeão.

Com relação ao número de vitórias, Vettel ainda está um pouco distante dos maiores. O alemão soma 19 triunfos na carreira e, para entrar no Top 10, seu primeiro alvo será Nelson Piquet , décimo colocado na lista e dono de 23 vitórias. A estatística também é liderada por Michael Schumacher, que obteve impressionantes 91 triunfos em sua trajetória na F1.

Mas é em relação ao número de pódios que Vettel está mais longe dos maiores. O alemão tem 34 na carreira, enquanto Niki Lauda, décimo colocado na lista, terminou 54 corridas entre os três primeiros. Se quiser ser o maior de todos os tempos, o piloto da Red Bull terá de superar o compatriota Schumacher, que subiu 154 vezes no pódio.

Recordes possíveis na temporada

Se em quantidade absoluta alguns recordes estão distantes, alguns podem ser alcançados se Vettel mantiver seu ritmo forte nesta temporada. Com nove vitórias no ano, Vettel pode igualar o recorde de 2004 de Schumacher com 13 vitórias em apenas uma temporada. Mas, para isso, precisa ganhar todas as próximas corridas.

Em poles, o recorde em uma temporada também é possível. Vettel já tem 12 e a marca pertence a Nigel Mansell, que conseguiu 14 em 1992. O mesmo acontece com os pódios, já que o alemão da Red Bull pode chegar a 18. O maior número em um mesmo ano foi de Schumacher, com 17 em 2002.

Confira fotos da temporada de Sebastian Vettel

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.