Brasileiro danificou seu carro poucas horas antes do treino classificatório

O nono lugar que Bruno Senna conquistou no treino classificatório para o Grande Prêmio do Japão marcou a volta por cima do brasileiro depois de um fim de semana difícil. Em dois dos três treinos livres, o piloto da Lotus Renault teve problemas e chegou a danificar seu bólido quando faltavam poucas horas para a disputa da pole.

Siga o iG Automobilismo pelo Twitter

Os problemas de Senna começaram no segundo treino livre . O brasileiro perdeu o controle, deixou o traçado e foi parar na área de escape. Porém, o piloto da Lotus Renault conseguiu evitar que seu carro se chocasse contra a barreira de pneus e pôde continuar suas atividades na prática normalmente.

No terceiro treino livre , no entanto, Senna não teve a mesma sorte. Após colocar uma roda na grama, o piloto perdeu o controle de sua Lotus Renault e se chocou contra o muro, danificando bastante o carro. A escuderia conseguiu arrumar o bólido em cima da hora – no classificatório, o brasileiro deu apenas uma volta no Q1, perto do fim da sessão.

Mesmo com os problemas, Senna vai largar na frente de seu colega de equipe, Vitaly Petrov. Os dois não marcaram tempo no Q3 e, nesse caso, o critério de desempate é o número do carro. O brasileiro tem o bólido 9 e o russo, o 10.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.