Publicidade
Publicidade - Super banner
Automobilismo
enhanced by Google
 

Barrichello afirma que não teme boatos de Raikkonen na Williams

Brasileiro diz estar muito bem preparado e pretende seguir na Fórmula 1 em 2012

Gazeta |

Às vésperas do Grande Prêmio de Cingapura, que será realizado neste domingo, às 9h (Brasília), Rubens Barrichello afirmou não se preocupar com as especulações que colocam o finlandês Kimi Raikkonen em seu lugar para a próxima temporada. O piloto também disse nesta quinta-feira (22) que o momento na temporada é de boatos no mercado, além de demonstrar desejo de permanecer nas pistas da Fórmula 1.

Siga o iG Automobilismo no Twitter

"Agora é uma época de muitos rumores", disse Barrichello, que se concentra para o GP de Cingapura. "Mas definitivamente eu quero correr o próximo ano. Esse é o ponto. Eu me sinto melhor preparado do que em qualquer outro momento", acrescentou.

Recentemente, antes do GP da Itália, Raikkonen visitou a Williams e conversou com a equipe, supostamente sobre sua volta à F1 em 2012. A escuderia não quis comentar sobre o finlandês, apenas afirmou que a visita não tinha razões específicas. Entretanto, a favor de Barrichello, o jornal da Finlândia Ilta-Sanomat, publicou nesta quarta-feira (21) que o ex-companheiro de Felipe Massa na Ferrari não tem interesse em retornar à maior categoria do automobilismo.

Já o contrato do companheiro de Barrichello, o venezuelano Pastor Maldonado, está assegurado para o próximo ano em virtude de um patrocínio com a petrolífera PDVSA. Enquanto a situação não se define, o brasileiro planeja a temporada 2012. "Eu tenho fantásticos 19 anos na Fórmula 1 e quero completar meus 20", completou.

 

Leia tudo sobre: f1rubens barrichellowilliamscingapurakimi raikkonen

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG