Publicidade
Publicidade - Super banner
Automobilismo
enhanced by Google
 

Asa traseira móvel será usada na reta dos boxes na Malásia

Possibilidade de usar a peça em duas retas foi cogitada, mas não vingou. Massa e Webber ficaram satisfeitos

iG São Paulo |

A Federação Internacional de Automobilismo (FIA) decidiu que a asa traseira móvel poderá ser usada na reta dos boxes durante o Grande Prêmio da Malásia, que acontece neste domingo. Durante esta semana, cogitou-se a possibilidade de seu uso ser permitido em duas regiões do circuito de Sepang, mas acabou limitado a uma só.

A medição do tempo em relação ao piloto da frente – a asa traseira móvel só pode ser acionada se um competidor estiver a no máximo 1s do adversário que deseja ultrapassar – será feita pouco antes da curva 15. Caso esteja dentro do limite permitido, o piloto poderá mover a peça entre as curvas 15 e 1, na reta dos boxes, que tem mais de 1km.

O brasileiro Felipe Massa, da Ferrari, declarou-se contra o uso da asa móvel em duas retas durante a semana, mas ficou satisfeito com a decisão da FIA.

“A decisão foi tomada para usarmos somente na reta principal, então eu acho que foi justa”, disse Massa, que tem como objetivo para domingo diminuir a diferença para as Red Bulls.

Entusiasta da asa traseira móvel, o australiano Mark Webber, da Red Bull, crê que a peça terá grande impacto na Malásia, uma de suas pistas preferidas.

Divulgação
Saiba em que parte do circuito de Sepang a asa traseira móvel poderá ser usada

Leia tudo sobre: Asa traseira móvelFelipe MassaMark Webber

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG