Tamanho do texto

De acordo com o chefe da Fórmula 1, participação das equipes seria fundamental para o sucesso da prova

Depois de confirmar o retorno do Grande Prêmio do Bahrein ao calendário 2011 da Fórmula 1 , Bernie Ecclestone, chefe da categoria, agora cogita cancelar a corrida. O motivo disso foi o protesto formal que as equipes registraram nesta semana .

Siga o iG Automobilismo no Twitter

“Espero que haja paz e tranqüilidade e que possamos retornar ao país no futuro, mas é claro que a corrida não está de pé nesta temporada”, disse Ecclestone, em entrevista à televisão britânica BBC .

De acordo com o chefe da Fórmula 1, a participação e o interesse das escuderias seria fundamental para o sucesso da corrida.

“A prova não pode ser remarcada sem que seus participantes concordem com isso”, completou o dirigente.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.